Home / Fotovoltaica / PRIMEIRA USINA FOTOVOLTAICA DA EUROPA COMPLETA 35 ANOS

PRIMEIRA USINA FOTOVOLTAICA DA EUROPA COMPLETA 35 ANOS

A Associação da Indústria Fotovoltaica Suíça – Swissolar, em maio de 1982, há exatamente 35 anos atrás, construiu no terraço da Universidade  de Ciências Aplicadas de Southern Suiça (SUPSI) um sistema fotovoltaico com 10kW de potência nominal, a qual foi a primeira usina na Europa ligada à rede pública. Até a data, a planta em Canobbio no cantão suíço de Ticino fornece energia solar ininterruptamente. Testes de laboratório têm mostrado que o tempo de vida dos sistemas fotovoltaicos tem sido maiores que 30 anos, pelo menos os da Swissolar: “Ao contrário de diferentes usinas de energia convencionais, as fotovoltaicas não necessitam de peças móveis. Devido à experiência, tem mostrado que é possível uma longa vida útil”. Os primeiros sistemas conseguiram superar o tempo estipulado e ainda funcionar perfeitamente, de acordo com a Swissolar isso tem um impacto significativo sobre a rentabilidade da energia fotovoltaica – em parte porque o investimento pode ser amortizado em pelo menos 30 anos, e tem baixos custos de manutenção.

A Swissolar chama ainda mais atenção aos sistemas fotovoltaicos produzidos na Suíça e usados por décadas. Há 30 anos atrás, foi instalado o primeiro sistema fotovoltaico privado nas instalações da empresa Horlacher AG Möhlin e ligado na rede da Suíça, ainda está funcionando sem problemas e sem qualquer manutenção. A maior parte da energia gerada é usada principalmente na fábrica, apenas o excedente é introduzido na rede. Outro sistema fotovoltaico com 100kW de potência foi construído em 1989 às margens da A13, perto de Felsberg GR (auto estrada) também como uma barreira sonora, e ainda está em funcionamento. Especialmente outra instalação da Swissolar foi feita sobre uma fachada  da “Jungfraujoch” numa região nada favorável pelo clima. Este sistema fotovoltaico foi construído em 1993, apesar das condições climáticas não favoráveis.

Por um longo período a Universidade de Ciências Aplicadas de Berna fez medições e não foi detectada nenhuma redução significativa no rendimento, apenas cerca de 0,05% ao ano.

Fonte: https://www.pv-magazine.de/2017/05/09/schweizer-photovoltaik-anlage-seit-35-jahren-am-netz/

Veja Também

Não coloque colheitas em módulos fotovoltaicos – A educação deve vir primeiro especialmente nas regiões rurais

Nos últimos anos, o governo da China lançou um grande apoio às políticas e subsídios …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.